Albert-Ludwigs-Universität Freiburg | Departamento de Romanística
Prof. Rolf Kailuweit
Romanística - Lingüística e Ciência dos Media
Você se encontra aqui > Ensino

Lingüística românica e Ciência dos media no ensino

Na minha opinião a Romanística em língua alemã deve, em contrapartida à filologia francesa, espanhola ou italiana em seus respectivos países, distinguir-se por uma abordagem comparativa entre as línguas. Mais do que na Germanística e na Anglística, não têm de ser ultrapassadas apenas as fronteiras entre as diferentes línguas. A pequena quantidade de cátedras na Romanística tem como conseqüência o fato de um professor dever tratar tanto temas descritivos de linguística sistemática, como temas históricos e culturais. A ciência dos media, com os seus aspectos tanto teóricos quanto históricos, oferece, além disso, um importante campo de pesquisa atual, o qual possibilita também um trabalho conjunto com a área da literatura. Ciência dos media não deveria ser um domínio restrito dos teóricos da literatura, no qual estes se dedicam, de maneira complementar aos gêneros tradicionais, por exemplo ao estudo dos media cinema ou televisão. Na área da lingüística, a ciência dos media passa cada vez mais a complementar e progressivamente substituir a semiótica, pelo fato de o potencial semiótico dos novos media fazer-se notar cada vez mais, iclusive podendo ser investigada a sua repercussão na língua falada e escrita.

A fim de garantir uma formação equilibrada e abrangente, me parece importante tratar de temas linguístico-sistemáticos e histórico-culturais na mesma proporção. Os primeiros possibilitam uma compreensão científica da formação lingüística, especialmente na área da gramática, os segundos elucidam a função da língua na sociedade, de suas diversas variedades e de seus usos mediais específicos.

Disciplinas

O objetivo primeiro de uma formação universitária deveria ser o aprendizado de como realizar uma contribuição própria ao atual debate científico da área. Isso se dá através de coleta e evaluação de dados, compilamento e comentário crítico de diferentes posições na literatura sobre o assunto, assim como desenvolvimento de idéias e abordagens próprias. Os «Hauptseminare» (disciplinas da segunda metade do curso) oferecem as condições necessárias para tal formação. Sou da opinião de que não se deve abrir mão da forma tradicional - trabalho oral (Referat) e trabalho escrito (Hausarbeit). Tais trabalhos requerem, no entanto, intensa orientação.

> Mais informações sobre trabalhos orais (Referate) e trabalhos escritos (Hausarbeiten)

A «Vorlesung» (aula expositiva) tem um grande número de funções na Romanística. Ela se destina basicamente tanto a estudantes de semestres diferentes como de diferentes cursos e tem, portanto, que ser respectivamente abrangente. Para alguns estudantes ela tem caráter introdutório, para outros serve como acompanhamento de «Hauptseminare» e ainda para outros como preparo para os exames finais. De modo geral tento, em uma «Vorlesung», tratar o francês, o espanhol e o italiano de forma comparativa. Freqüentemente é requerido dos estudantes um atestado de rendimento acadêmico para a obteção de créditos. Este pode ser adquirido através de uma prova escrita ou da elaboração de um texto respondendo a questões de controle.